O Google Ads já possui uma grande variedade de ferramentas, mas também adiciona novas à sua caixa de ferramentas a cada poucos meses. Mesmo que escolha a ferramenta errada, você pode realizar seu trabalho. Mas, com as ferramentas certas, você pode fazer isso com mais eficiência.

 

Neste artigo, listaremos cada subtipo de campanha no Google Ads e mostraremos como fazer a escolha certa para o seu objetivo.

 

Se você não tem tempo para ler tudo, pode navegar no artigo usando este guia simples:

  • Se a demanda para o seu produto ou serviço já existir, vá veja mais sobre as campanhas da Rede de Pesquisa (exceto os anúncios da galeria).
  • Use campanhas da Rede de Display para alcançar pessoas que não estão procurando seu produto no momento (mas podem ter mostrado interesse antes).
  • Escolha Campanhas do Shopping se você conta com um grande número de mercadorias.
  • Use o poder do vídeo para aumentar o conhecimento sobre seu produto e oferta.
  • Se você precisa impulsionar download de aplicativos ou conversões no aplicativo, você tem as campanhas de aplicativos.

Campanhas da Rede de Pesquisa

Esses tipos de campanha são combinados pelo canal - todos são exibidos no canal de pesquisa do Google. Mas, embora todos exibam anúncios entre as consultas de pesquisa, eles são projetados para diferentes anunciantes e diferentes tarefas.

Anúncios de Pesquisa

Uma ferramenta clássica de publicidade do Google, esta é a maneira mais conveniente de alcançar seus clientes em potencial. Basta usar palavras-chave que seus compradores potenciais usam em consultas de pesquisa quando eles têm uma clara intenção de compra.

 

Mas esse tipo de anúncio é relevante apenas para produtos e serviços que já possuem demanda existente.

 

Se você opera em um nicho pequeno e não consegue encontrar muitos clientes em potencial na Rede de Pesquisa do Google, pode ser uma ideia melhor mudar para a opção ‘Incluir Rede de Display do Google’. Nesse caso, o Google alcançará automaticamente clientes relevantes na Rede de Display (com base em seu público na Rede de Pesquisa). Lembre-se de que o Google expande o alcance para a Rede de Display apenas se você não puder gastar todo o orçamento na Rede de Pesquisa.

Anúncios de pesquisa por local

Se você deseja que sua empresa apareça quando os usuários realizarem pesquisa "perto de mim", você precisa criar uma conta no Google Meu Negócio e vinculá-la aos seus anúncios da rede de pesquisa.

 

Esta é uma ferramenta muito poderosa para lojas físicas e empresas locais. Se você quiser saber mais sobre essas campanhas, assista ao nosso webinar sobre Google Meu Negócio com o Fernando Ranieri do Google Brasil.

Exemplo de Anúncios de pesquisa por local

Anúncios dinâmicos de pesquisa

Se você tem muitos produtos para promover, criar manualmente cada anúncio de pesquisa pode ser muito cansativo. Nesse caso, você pode automatizar todo o processo usando Anúncios Dinâmicos de Pesquisa.

 

Basta permitir que o Google Ads acesse as páginas de produtos e categorias em seu site. Dessa forma, ele pode mostrar aos usuários os anúncios mais relevantes com base em seus interesses e comportamentos. Mas não se esqueça de que seu site deve ser otimizado para o mecanismo de busca do Google (SEO) se você quiser ter certeza de que a automação reconhecerá corretamente as informações sobre produtos e categorias das páginas. Em suma, esta é uma ferramenta muito útil para empresas de e-commerce.

Anúncios de galeria

Os Anúncios de galeria é uma nova ferramenta que permite adicionar uma galeria de imagens para pesquisar anúncios no SERP móvel. Abaixo de um título de texto padrão e um URL de exibição, os anúncios da Galeria apresentam carrosséis de imagens deslizantes - muito parecido com os anúncios carrosséis do Facebook e Instagram.

 

Esteja pronto para pagar não apenas pelos usuários que clicaram nos anúncios, mas também pelos usuários que viram três ou mais imagens em seus anúncios. Por exemplo, pode ser usado por marcas para promover novos produtos (neste caso, use palavras-chave genéricas para obter um amplo alcance).

Exemplo de anúncios de galeria

Campanhas da Rede de Display

Ao usar anúncios de pesquisa, podemos direcionar as pessoas que estão procurando nossos produtos / serviços agora. Mas se quisermos alcançar ainda mais clientes em potencial, podemos usar as campanhas da Rede de Display do Google.

 

A Rede de Display é uma ampla configuração de websites e aplicativos para celular que oferecem a possibilidade de exibir anúncios para pessoas que não estão pesquisando por isso no momento, mas podem estar interessadas em seu produto ou serviço.

 

As campanhas da Rede de Display têm muitos tipos de segmentação. Já os discutimos em um de nossos artigos anteriores - confira aqui se quiser saber sobre todos os tipos de segmentação da Rede de Display. Portanto, hoje falaremos sobre outros aspectos das campanhas da Rede de Display: formatos de anúncios e automação na criação.

Anúncios gráficos e anúncios gráficos responsivos

Essa campanha clássica da Rede de Display permite que você obtenha mais conversões com um pequeno orçamento. Os anúncios gráficos permitem que você controle o criativo, para que você tenha total controle sobre sua aparência e o que exatamente diz.

 

Mas os anúncios gráficos responsivos o torna ainda melhor ao permitir que você automatize o processo de otimização: qual combinação de imagem, título e texto funciona melhor. Portanto, para melhor desempenho, você deve sempre adicionar os anúncios gráficos responsivos a sua campanha da Rede de Display.

Anúncios HTML5 e anúncios Lightbox

Esses tipos de anúncios funcionam muito bem para campanhas de branding quando é mais importante chamar a atenção do que conversões, tornando-os adequados para apresentar novos produtos ao público. Os formatos animados e interativos cativam melhor a atenção do público do que as imagens estáticas.

 

Anúncios HTML5 (veja um exemplo deste anúncio aqui) podem ser usados na Rede de Display da mesma forma que banners estáticos são usados. Mas você precisa obter acesso a esse recurso. Antes de solicitar acesso a seu gerente, verifique se sua conta do Google Ads atende aos requisitos para o uso de anúncios HTML5.

 

Os anúncios Lightbox (veja um exemplo deste anúncio aqui) são um formato de marca premium para a Rede de Display e podem fazer ainda mais. Lightbox é um criativo expansível. Quando expandido, ele ocupa a maior parte do espaço disponível na tela para apresentar o conteúdo da marca, como vídeos, mapas, jogos e muito mais.

Exemplo de Anúncios Lightbox

Anúncios do Gmail

Este é um tipo especial de anúncio para Gmail. Parecem e-mails nas guias 'Social' ou 'Promoções', mas com o rótulo 'Anúncio' exibido em destaque com ele.

Exemplo de Anúncios do Gmail

E depois de clicar, o formato ainda é o de um e-mail, neste caso como se tivéssemos recebido um e-mail marketing.

Exemplo de Anúncio do Gmail expandido

 

Por isso, ele deve ser criado de maneira diferente de outros anúncios e esse anúncio existe como um subtipo separado de campanhas da Rede de Display.

 

Os anúncios do Gmail são perfeitos para promover ofertas e vendas especiais. Certifique-se de que seus títulos sejam fascinantes para o público-alvo. Eles devem chamar a atenção para o seu anúncio na caixa de entrada do usuário.

Campanhas Inteligentes de Display

Se você já tem em sua conta do Google Ads 50 conversões na Rede de Display ou 100 conversões da Rede de Pesquisa, terá acesso a esse subtipo de campanha.

 

Como a Rede de Display em campanhas de pesquisa, ele pode segmentar automaticamente clientes em potencial com base nos dados de conversões existentes. A princípio, ele alcançará pessoas que já visitaram seu site pelo menos uma vez. Depois disso, a segmentação será expandida gradualmente para novos públicos, tornando-se uma ferramenta poderosa para grandes contas do Google Ads.

Remarketing Dinâmico

Se você tem muitos produtos em seu site de comércio eletrônico, pode ser cansativo criar anúncios de remarketing para todos eles manualmente. Nesse caso, você pode automatizar todo o processo com o remarketing dinâmico. Basta enviar seu feed de produto para o Google Merchant Center e vinculá-lo à sua campanha na Rede de Display.

 

O Google Ads prevê qual layout de anúncio dinâmico provavelmente terá o melhor desempenho para a pessoa, canal e plataforma em que o anúncio será exibido. Na maioria das vezes, será o anúncio com produtos que o usuário explorou em seu site; pode aumentar a possibilidade de uma venda mais tarde.

Anúncios Discovery

Anúncios Discovery são uma nova ferramenta para promover ofertas e vendas especiais ou seu conteúdo de marca. O ponto principal é que precisa ser algo fascinante ou pelo menos divertido.

 

Os anúncios serão exibidos apenas em canais do Google, como YouTube, Gmail e Google Discover (Feed). É a vantagem e a limitação deste subtipo de campanha.

Exemplo de Anúncios Discovery

 

Se você deseja experimentar os Anúncios Discovery, mas eles ainda não estão disponíveis em sua conta do Google Ads, ligue para o suporte para obter acesso.

Campanhas Shopping

Se você tem uma empresa de comércio eletrônico, pode se interessar pelos tipos de campanha desenvolvidos especialmente para produtos de publicidade.

 

Por exemplo, se você digitar “comprar papel higiênico online”, verá a seção ‘Produtos populares’.

Exemplo de Anúncios Shopping

Em alguns países, o Google possui o serviço Shopping, onde você pode escolher os produtos e encomendá-los.

Exemplo de Anúncios Shopping

 

Se quiser colocar sua loja online no Google Shopping e mostrar suas ofertas quando as pessoas estiverem procurando os produtos, você precisa:

1. Configure o Google Merchant Center.

2. Crie um feed de produto.

3. Adicione seu feed de produtos ao Merchant Center.

 

Depois disso, você pode executar campanhas de compras e até automatizar todo o processo de publicidade no Google Ads usando campanhas inteligentes Shopping.

Campanhas de vídeo

Esses tipos de campanha são construídos em torno do formato de vídeo. Alguns anunciantes pensam que as campanhas de vídeo no Google Ads são semelhantes aos comerciais de TV. Na verdade, você pode não apenas aumentar a conscientização, mas também gerar tráfego e conversões usando campanhas de vídeo. Vamos mergulhar.

Anúncios in-stream puláveis (TrueView)

Este formato é usado com mais frequência por anunciantes de PME. Tenho certeza que você já viu esses anúncios no YouTube que você pode pular após 5 segundos.

 

Você paga apenas se o usuário tiver assistido a 30 segundos do seu anúncio (ou se a duração total do vídeo for inferior a 30 segundos) ou interagido com o seu vídeo, o que ocorrer primeiro. Você não pagará se o usuário pulou seu anúncio. Isso significa que você tem cinco segundos para criar consciência sobre seu produto. Depois disso, você pode contar mais detalhes sobre sua oferta e chamada para a ação (visite seu site, envie o formulário de inscrição, peça seu produto, etc.).

TrueView for Action (TrueView para Ação)

Há alguns anos, o Google Ads foi ainda mais longe, oferecendo a você a capacidade de otimizar seus anúncios em vídeo puláveis para obter mais conversões. Esses anúncios se parecem com anúncios de vídeo puláveis comuns, mas com uma chamada para ação.

Exemplo de Anúncios True View for Action

Quando você escolhe esse subtipo de campanha, o Google Ads otimiza as impressões com base na possibilidade de conversão para cada pessoa que visualizaria seu anúncio.

 

Pode aumentar o seu desempenho se o público-alvo for grande o suficiente (segmentação demográfica, por exemplo). Se o seu público-alvo for significativamente pequeno (o público de remarketing, por exemplo), essa abordagem pode não ser tão prática.

TrueView para campanhas Shopping

Se você usa campanhas Shopping, pode se interessar por esse tipo de campanha de vídeo. Por exemplo, você pode usá-lo como remarketing dinâmico e trazer os usuários de volta com um vídeo convincente (você pode até mostrar produtos do carrinho abandonado do usuário em uma seção especial do vídeo).

Exemplo de Anúncios TrueView para campanhas Shopping

Anúncios in-stream não puláveis (incluindo anúncios bumper)

Se você está pronto para investir algum dinheiro na construção de conhecimento sobre seu novo produto ou marca, este tipo de campanha de vídeo pode ser benéfico. Quando você usa esse formato de vídeo, os usuários não têm escolha e assistem ao vídeo inteiro (que deve ter 6 segundos ou menos para anúncios bumper e até 15 segundos para anúncios in-stream não puláveis). Mas você vai pagar por cada visualização. Faz sentido se você precisa ter certeza de que as pessoas receberão sua mensagem.


Sequência de Anúncios em Vídeo

Ao usar esse subtipo de campanha, você pode criar uma série de vídeos e ter certeza de que todos os usuários verão os vídeos na ordem certa. Pode ser útil se você quiser contar uma história convincente, mas um anúncio não pulável é curto demais para isso. Cada campanha sequencial é composta por uma série de "etapas". Em cada etapa de uma sequência, há um grupo de anúncios e um anúncio em vídeo. Você selecionará suas regras de sequenciamento, formato de anúncio e lance em cada uma das etapas da sequência. Os espectadores verão sua campanha em sequência assim que ela for veiculada, e os anúncios serão exibidos na ordem que você definiu.

 

Ao usar a estratégia de lances de CPM desejado, você pode usar os dois formatos de vídeo: anúncios in-stream puláveis e não puláveis. Ao usar a estratégia de lances de CPV (custo por visualização), você pode usar apenas aquelas que podem ser ignoradas. Mas, em geral, são os mesmos formatos usados sem a sequência de anúncios.

Video Discovery

Esse formato parece e funciona de maneira muito diferente dos formatos in-stream (e TrueView). Os anúncios video discovery consistem em uma imagem em miniatura do seu vídeo com algum texto e aparecem nos resultados de pesquisa do YouTube, junto com os vídeos relacionados do YouTube, na página inicial do YouTube para celular.

 

Este subtipo de campanha é adequado para promover um vídeo de seu canal do YouTube e chamar a atenção para ele. Por exemplo, você trabalha no crescimento orgânico de seu canal no YouTube e precisa aumentar as visualizações de seu novo vídeo excelente.

Anúncios Out-stream

Este subtipo de campanha de vídeo é sua escolha se você precisa de mais alcance do que o YouTube pode fornecer.

 

Anúncios outstream são anúncios somente para celular e aparecem em sites e aplicativos de parceiros de vídeo do Google. Esteja ciente de que os anúncios outstream começam a ser reproduzidos sem som. Adicione legendas e use linguagem visual para transmitir sua mensagem.

Campanhas de aplicativos

Este é um tipo de campanha específico para promoção de aplicativos iOS e Android. Temos duas opções principais:

Instalações de Apps

Esta é uma maneira simples de configurar uma campanha de aplicativo. A desvantagem é que você pode obter não apenas usuários valiosos, mas também aqueles que não comprarão nada dentro do seu aplicativo.

Conversões em Apps

Se você deseja obter usuários mais valiosos, pode escolher esta opção. Mas você precisará configurar o acompanhamento de conversões em seu aplicativo primeiro.

Em ambos os casos, os anúncios aparecem:

  • na Rede de Pesquisa do Google: nos resultados da pesquisa;
  • no Google Play: nos resultados da pesquisa, nas seções de aplicativos relacionados e na seção "Sugerido para você" na página inicial;
  • no YouTube, onde é mais provável que eles sejam clicados e que seu aplicativo seja baixado;
  • na Rede de Display do Google em uma variedade de canais (incluindo Gmail);
  • no Google Discover (atualmente disponível em telefones Android apenas na configuração do idioma inglês).
Exemplo de Anúncios de Conversões em Apps

Não se preocupe, você não precisa criar muitos formatos de anúncio para todos esses canais. Os anúncios de aplicativos são gerados rapidamente pelo sistema.

 

Para criar seus anúncios, o Google Ads pode combinar recursos de texto, imagem, vídeo ou HTML5 que você carrega ou recursos da listagem do seu aplicativo na loja de aplicativos relevante. Além disso, o sistema também testa as variantes dos anúncios e otimiza automaticamente os lances para obter o máximo resultado (de acordo com o seu objetivo).

Para Concluir

O Google Ads oferece muitas ferramentas, o que pode ser frustrante para anunciantes experientes e novatos. É por isso que é fundamental ter pelo menos uma compreensão geral de cada um deles.

 

Infelizmente, é impossível reter uma quantidade considerável de informações necessárias para aproveitar ao máximo os recursos de anúncios do Google. Portanto, você precisa ter a chance de atualizar seus conhecimentos sempre que precisar. Esperamos que este guia forneça todas as informações de que você precisa para aproveitar ao máximo os anúncios do Google.